Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

7 orientações depois da cirurgia odontológica

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

orientações depois da cirurgia odontológicaFiz uma cirurgia odontológica. E agora? Como me cuidar pra melhorar logo e sentir o mínimo incômodo possível? Apesar de ser negligenciado por muitas pessoas, principalmente no caso de cirurgias menores, o pós-operatório é considerado muito importante tanto por profissionais qualificados quanto por estudiosos da área da saúde. Alguns dizem até que as cirurgias não acabam quando o cirurgião as finaliza e sim após a total recuperação dos pacientes.

Para que essa etapa não venha a prejudicar todo o trabalho anterior da equipe de saúde que realizou o procedimento, é necessário que o paciente esteja ciente da importância dos cuidados que ele deve ter após as cirurgias, isso porque neste momento ele não terá o acompanhamento profissional a todo momento.

Os cuidados incluem todos os tipos de cirurgias, inclusive a cirurgia odontológica. Isso porque o corpo humano irá exigir mais energia neste tempo de recuperação e cicatrização, mesmo com o sistema imunológico afetado com a intervenção.

Neste artigo focaremos nas orientações que devem ser passadas para os pacientes pela equipe de saúde após a cirurgia odontológica.

1. Dieta restrita e leve

No caso dos procedimentos voltados à saúde bucal, os cuidados com a alimentação são imprescindíveis e podem garantir o seu sucesso. O paciente, depois da cirurgia odontológica, deve seguir as orientações repassadas quanto ao tipo de dieta ideal para sua recuperação.

Geralmente as primeiras 48 horas após a cirurgia odontológica exigem uma alimentação mais pastosa e fria, já que alimentos quentes podem causar hemorragias. A alta temperatura causa uma vasodilatação na área tratada pelo procedimento, portanto facilita o sangramento.

Assim como o calor dos alimentos pode causar hemorragia, o calor do sol também. Por isso, as orientações da equipe odontológica devem contar ainda com essa restrição.

A alimentação do paciente tende a ser normalizada nos dias subsequentes.

2. Período de descanso

Evitar atividades que exijam esforço físico e focar no descanso para melhor recuperação do paciente após a cirurgia odontológica. Essa é uma das premissas básicas que devem ser seguidas no pós-operatório.

O descanso deve ser ainda com a cabeça em posição mais elevada que o restante do corpo, para evitar grande fluxo sanguíneo, e, portanto, hemorragias. Na hora de dormir, o paciente deve preferir travesseiros mais altos.

3. Compressas podem ajudar na recuperação após a cirurgia odontológica

Compressas com gelo, nas primeiras horas após a cirurgia odontológica e com intervalos, podem diminuir o inchaço no local e facilitar a recuperação dos pacientes, além de evitar processos hemorrágicos. A compressa deve ser realizada do lado externo da boca correspondente ao local da intervenção.

Em casos de hematomas após a cirurgia odontológica, também pode ser indicada a realização de compressas quentes. Mas isso só depois de determinado período, que deve ser definido pelo cirurgião-dentista, uma vez que – como apontamos – o calor pode acarretar hemorragias logo após a intervenção.

4. Higiene bucal deve ser mantida

Mesmo com parte da boca afetada pela cirurgia odontológica, os cuidados com a higiene bucal dos pacientes devem ser mantidos. Isso porque uma higiene inadequada pode provocar em um processo infeccioso, devido a restos alimentares e proliferação de bactérias.

É claro que o cuidado no local da intervenção deve ser redobrado, com uma higienização mais suave para evitar sangramentos. Mas o paciente não deve deixar de realizá-la por causa da cirurgia odontológica. Importante também a manutenção do uso de antissépticos bucais para melhorar a higiene bucal. Mas os bochechos devem ter início somente após 24 horas da realização da cirurgia.

5. Medicamentos

Os pacientes devem seguir corretamente a prescrição de medicamentos após a cirurgia odontológica, nos horários indicados e com a dose prescrita.  Assim o paciente pode garantir uma recuperação mais rápida e sem processos infecciosos.

6. Não fumar ou ingerir bebidas alcoólicas

O álcool e o fumo levam substâncias nocivas ao corpo humano. Portanto, é recomendado que se evite o uso dessas substâncias após a cirurgia odontológica, já que em contato com as feridas decorrentes das cirurgias elas podem causar um processo inflamatório.

7. Em situações adversas, procurar o dentista

Sangramento excessivo, febre, dificuldades em abrir a boca ou dores que não cessam com os medicamentos prescritos. Em casos como esses, o paciente deve procurar seu dentista para fazer verificação após a cirurgia odontológica. 

Além de passar verbalmente todas essas orientações para o paciente que será submetido à cirurgia odontológica, o cirurgião-dentista deve disponibilizá-las por escrito e com uma linguagem apropriada para o bom entendimento.  Assim o paciente pode segui-las e contar com uma boa recuperação após a cirurgia odontológica.

Em dúvida sobre procedimentos da saúde bucal? Acesse o nosso blog.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×