Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

Aftas: Por que elas aparecem e o que fazer?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Aftas são um problema comum a um terço da população

 

Aftas são um tipo de lesão na cavidade bucal. Apesar de serem benignas, elas causam bastante desconforto pra quem tem as lesões com frequência.

As aftas podem aparecer em todas as idades, sendo mais comum entre crianças e jovens. O aparecimento das lesões costuma ser mais raro com a idade, porque a mucosa da boca vai ficando mais grossa com o passar dos anos.

Mas porque as aftas costumam aparecer? Geralmente, surgem graças à baixa imunidade do organismo. Quando a imunidade está mais enfraquecida é que costumam aparecer as famosas bolinhas esbranquiçadas – e doloridas – na cavidade bucal.

A ingestão de alguns tipos de alimentos, especialmente os mais ácidos, pode agravar o problema. Até mesmo o estado emocional pode facilitar o desenvolvimento das aftas.

 

Causas recorrentes das aftas

Estresse, Tensão Pré-Menstrual (TPM), poucas horas de sono, refluxo gastroesofágico, deficiência de vitaminas, fumo, e também traumas locais, como uma mordida, ou feridas provenientes do uso de aparelhos ortodônticos, por exemplo. Todos esses fatores podem estar entre os causadores das aftas.

Com tantos causadores, fica fácil entender porque é tão comum o aparecimento das lesões. De 20 a 35% da população terá ao menos uma afta ao longo da vida.

 

Alimentos ácidos podem estar entre as causas

Quando as pessoas apresentam predisposição a ter aftas após a ingestão de alimentos ácidos, como frutas, por exemplo, a associação quanto ao aparecimento da lesão pode ser mais facilitada.

Nestes casos, a dica para evitar o incômodo, ou minimizar as chances de incidência, é fazer o enxágue bucal com água após a refeição. Isso também será benéfico para evitar a erosão dentária pela ingestão de alimentos ácidos.

Mesmo quando a causa é outra, a ingestão destes alimentos quando a pessoa está com aftas também não é indicada. Isso porque eles podem piorar aquele incômodo das lesões.

 

É indicado procurar um dentista em caso de aftas frequentes

Geralmente as aftas tendem a desaparecer em pouco tempo, de uma semana a dez dias. Mas há casos em que elas podem demorar mais para sumir. Isso pode ocorrer quando elas são maiores e mais profundas.

Mas se a frequência do aparecimento das lesões for grande e houver demora de seu desaparecimento, é indicado procurar pelo dentista. É ele quem irá identificar se o aparecimento das aftas pode estar associado a outros problemas.

Além disso, o profissional da Odontologia pode indicar o tratamento da laserterapia para diminuir a incidência, amenizar o desconforto e antecipar a cicatrização das aftas.

 

Medicamentos funcionam?

Os medicamentos existentes nas farmácias costumam agir somente para antecipar a cicatrização das aftas, ou amenizar o incômodo que elas causam. Quanto aos tratamentos caseiros, é importante ressaltar que não há comprovação quanto a eficácia de nenhum deles. Alguns podem até piorar os quadros de inflamação.

Aquela história de que o bicarbonato de sódio é um ótimo remédio pode até piorar a situação. Isso porque muitas pessoas costumam colocar o pó diretamente nas lesões, o que não é nada indicado. Conforme especialistas, o ideal é diluir o conteúdo em água e realizar o bochecho.

As aftas podem aparecer por diversos motivos e em todas as pessoas. Se elas forem mais que um incômodo momentâneo,  é importante procurar por ajuda profissional. Uma boa higiene bucal também é sempre indicada. Saiba mais em nosso blog.

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×