Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

Ter um ASB no consultório vale a pena para o dentista e para os pacientes

0
Ter um ASB no consultório vale a pena para o dentista e para os pacientes

A rotina de um consultório odontológico é bem intensa. Tem muito trabalho antes, durante e depois de cada consulta. Dessa forma, a presença de uma equipe completa é imprescindível para ofertar um bom serviço. Mas, hoje, aqui no blog, nós destacamos a importância do Auxiliar em Saúde Bucal (ASB) no dia a dia corrido. Neste post, confira o porquê vale a pena, não só para o dentista, mas também pelos pacientes, ter o ASB no consultório.

ASB no consultório: bons motivos para tê-lo

O trabalho do auxiliar de dentista, além de otimizar o do dentista, permite que o atendimento ao paciente seja mais humanizado. O Auxiliar de Saúde Bucal acolhe e prepara quem chega. Ele coleta um breve histórico e, assim, explica ao dentista o que o espera. O ASB ainda é quem primeiro ouve os medos e anota as dúvidas do paciente.

As necessidades, por exemplo, de quem procura um tratamento para cárie são diferentes das do paciente que pretende fazer um clareamento dental. E esses detalhes podem ser facilmente descobertas em um bate-papo entre o auxiliar de dentista e o paciente!

Toda essa preparação antes da consulta otimiza o tempo do dentista, além de deixar o atendimento mais humanizado. Aqui no blog, nós já vimos o quanto esse tipo de tratamento pode ser o diferencial de um consultório.

O ASB ainda auxilia o dentista ao longo da consulta. Ele pode fazer o molde da arcada dentária do paciente e também ajudar na instrumentação em intervenções cirúrgicas mais simples, permitindo ao cirurgião focar na operação.

Além disso, é o auxiliar de dentista quem assiste o paciente com atividades de higiene bucal e cuidados do pós-operatório. Mais uma vez, um trabalho que permite ao paciente se sentir bem cuidado.

E o trabalho do Auxiliar em Saúde Bucal não termina quando a consulta acaba! Depois que o paciente vai embora, é hora de ajudar na gestão do consultório.

O ASB pode organizar os arquivos dos pacientes. Manter os dados deles em dia, por exemplo, facilita a administração do consultório e o trabalho do dentista.

Depois da consulta, o auxiliar de dentista fica responsável também pelas medidas de biossegurança no armazenamento, no transporte, no manuseio e no descarte de produtos usados na consulta. Uma tarefa que precisa ser executada por quem tem conhecimento. Afinal, envolve a saúde de todos!

Mais no Blog Curso ASB

Com tantos argumentos convincentes, fica difícil achar que um ASB no consultório não é essencial! No entanto, se você ainda tem dúvidas sobre o assunto, acesse o nosso blog e confira outros posts que contam um pouco mais sobre o trabalho do Auxiliar em Saúde Bucal. Até a próxima!