Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

Bruxismo: como saber se tenho e qual o tratamento?

0
Bruxismo: como saber se tenho e qual o tratamento?

Neste sábado, 31 de outubro, é Dia das Bruxas. Não tinha como a postagem desta sexta-feira ser outra! O tema é bruxismo, uma desordem funcional que pode afetar homens e mulheres de todas as idades. Veja, aqui no blog, quais os principais sintomas e o tratamento para o problema.

Como identificar o bruxismo

Você já notou algum destes sintomas?

  • Dentes achatados, fraturados ou lascados;
  • Cansaço ao mastigar;
  • Dor de cabeça de manhã ou no fim da tarde;
  • Dentes sensíveis ao acordar;
  • Língua marcada pelos dentes.

Se sim, é hora de correr para o dentista. Muitas vezes, o paciente procura vários médicos porque nem imagina que é esse profissional quem pode ajudar com essas dores específicas.

O bruxismo está ligado a fatores genéticos; a situações de estresse, tensão e ansiedade; e ao fechamento inadequado da boca, seja por problemas físicos ou não. Na maioria das vezes, a causa é emocional.

Se você tem bruxismo e não tratá-lo – além de desgastar e soltar os seus dentes, deixando o seu sorriso com uma aparência envelhecida – essa desordem funcional pode causar problemas mais sérios, como os que envolvem a articulação da mandíbula.

A síndrome da articulação têmporomandibular (ATM) é um deles.

Como tratar o bruxismo

Uma moldeira feita sob medida pode amenizar os danos aos dentes – ela pode ser de acrílico ou de silicone. É importante que o paciente tenha uma rotina de higiene com o dispositivo.

Mas, atenção! Apesar de ser uma boa maneira de lidar com o problema, a moldeira não é a cura.

Se o que causa essa desordem funcional é o estresse, por exemplo, é sugerido ao paciente achar meios de relaxamento. Atividades que reduzam a tensão podem contribuir muito para quem tem bruxismo!

Então, ouça uma música que você gosta, assista à série que você gosta, faça um passeio agradável, tome um banho demorado… O uso de medicamentos ansiolíticos e o acompanhamento de um psicólogo também podem funcionar para controlar a ansiedade e outros problemas emocionais.

Mais no Blog Curso ASB

Quer saber mais sobre saúde bucal? Então, acesse o nosso blog. Tchau!