Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

4 habilidades que o ASB deve ter ao receber pacientes

0

4 habilidades que o ASB deve ter ao receber pacientes

Nem todo consultório odontológico tem uma secretária. Às vezes, quem acaba assumindo as tarefas de secretariado é o Auxiliar de Saúde Bucal (ASB). E uma dessas funções é a recepção. Como bem sabemos, a primeira impressão é a que fica. Por isso, neste post, vamos falar sobre 4 habilidades que o ASB deve ter ao receber pacientes!

1 – Organização

Entre as habilidades que o ASB deve ter ao receber pacientes, está a de organização. Aqui no blog, já falamos que, em geral, todo auxiliar de dentista deve ser organizado para que o seu trabalho possa ser otimizado no dia a dia.

Em relação à recepção, o ASB precisa de organização ao cuidar da agenda do dentista, especialmente na hora de controlar os retornos dos pacientes. Nós também já vimos aqui no blog que esse controle faz a diferença nas contas do consultório no fim do mês.

A organização também é fundamental na hora de armazenar os documentos dos pacientes.

2 – Pontualidade

A pontualidade também é uma das habilidades que o ASB deve ter ao receber pacientes. Cumprir os horários combinados faz qualquer estabelecimento comercial ser bem visto pelo cliente.

Já pensou se o paciente chegar e ficar esperando na porta porque o Auxiliar de Saúde Bucal perdeu a hora? O atraso é realmente muito ruim para a imagem de qualquer negócio. Afinal, quem gosta de ficar esperando?

3 – Pró-atividade

A pró-atividade faz a diferença na carreira de qualquer profissional. No dia a dia, especialmente na recepção dos pacientes, o ASB pode ser pró-ativo na hora de garantir que a agenda do dentista não fique com “buracos”. O paciente desmarcou? Que tal, antes mesmo de o dentista pedir, tentar adiantar o próximo cliente da agenda?

4 – Bom relacionamento 

Criar um bom relacionamento também é uma das habilidades que o ASB deve ter ao receber pacientes.

Aqui no blog, já mostramos que um cliente que recebe um atendimento único e humanizado tende a voltar. O Auxiliar de Saúde Bucal que tem um bom relacionamento com o paciente, por exemplo, sabe como melhor lidar com os medos e as expectativas dele e isso acaba sendo um diferencial do consultório.

É importante lembrar que essas habilidades que nós listamos não são as únicas. Essas são apenas sugestões que o profissional deve pelo menos levar em conta no dia a dia. Tem alguma outra qualidade que você considera essencial na hora de recepcionar os pacientes? Conte para a gente nos comentários!