Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

Lesões na boca? Veja o que elas podem representar

0
Lesões na boca? Veja o que elas podem representar

Lesões na boca podem aparecer em todo mundo, em qualquer momento da vida e por razões diferentes. Elas podem surgir depois de uma mordida acidental e até mesmo indicar uma doença grave, como o câncer bucal.

Por isso, é preciso prestar bem atenção ao notar feridas na cavidade bucal. O mais indicado é procurar um dentista ou um médico para que ele possa fazer o diagnóstico correto e recomendar o tratamento mais adequado.

Mas também não precisa correr marcar uma consulta toda vez que um machucado desponta. Para ajudar um pouquinho você, nós reunimos as principais causas de ferimentos na boca. Veja abaixo.

Lesões na boca: quem pode causá-las?

Aftas

As aftas são feridas benignas, mas provocam desconforto.

Não se pode dizer com certeza o que as causou, com exceção de quando elas surgem por uma mordida sem querer na língua ou nas bochechas; ou de quando a pessoa come algo muito ácido.

As aftas também podem não estar ligadas à saúde bucal. É possível que elas surjam durante momentos de grande estresse ou de alterações hormonais, como na TPM.

A maioria das aftas desaparece sozinha, em uma ou duas semanas. Os tratamentos, quando necessários, incluem enxágues bucais, pomadas e medicamentos.

Herpes bucal

A herpes bucal, diferentemente da afta, é contagiosa e causada por um vírus. Ela vem quando a imunidade está baixa.

O seu surgimento, acompanhado de pequenas bolhas na boca, está ligado a períodos em que a saúde da pessoa está mais debilitada. É uma doença que não tem cura e pode aparecer em outras partes do corpo.

Entretanto, medicamentos podem acelerar a cicatrização e reduzir a chance do reaparecimento.

Sapinho

A candidíase pseudomembranosa, mais conhecida como sapinho, também pode ser detectada através de lesões na boca. A infecção, originada por um fungo, forma membranas esbranquiçadas.

O sapinho é diagnosticado com frequência em crianças e em idosos. É muito importante ficar atento porque ele também pode indicar outras doenças mais graves, como o HIV.

Iogurte sem açúcar (sim!) ou um medicamento antifúngico ajudam no tratamento.

Leucoplasia

A leucoplasia é muito associada ao hábito de fumar e se manifesta através de manchas esbranquiçada na boca. A maioria é benigna, mas algumas mostram sinais precoces de câncer.

Essas manchas brancas espessas podem aparecer sobre as gengivas, na parte interna das bochechas, no fundo da boca e, às vezes, na língua.

Na maioria dos casos, parar de beber ou de fumar elimina o problema. Em situações mais raras, é necessário operar.

Câncer bucal

Os sintomas do câncer de boca incluem uma ferida não cicatrizada, um nódulo ou uma mancha branca ou vermelha na parte interna da boca.

Quem fuma ou bebe demais, além de pessoas infetadas pelo vírus HPV, têm mais chance de ter a doença. O tratamento inclui cirurgia e radioterapia. Há casos em que a quimioterapia pode ser necessária.

Continua na dúvida?

Ainda há lesões na boca que podem indicar outras doenças, como as autoimunes. Por isso, na dúvida, o melhor a ser feito é procurar ajuda profissional e não deixar o problema se agravar.

Para mais dicas sobre saúde bucal, não deixe de acessar o nosso blog! Até logo!