Mais de 5.000 já recebem nossos e-mails! Receba Também.

Quando devo procurar o dentista em tempos de pandemia?

0
Quando procurar o dentista em tempos de pandemia?

Está em casa e começou a sentir aquela dorzinha no dente? As crianças estavam brincando e uma delas quebrou o dente? Será que você pode procurar o dentista neste momento de isolamento e distanciamento social? Para quem está em dúvidas, fizemos este guia sobre quando procurar o dentista em tempos de pandemia.

Primeiro vamos entender quais são os atendimentos de urgência e emergência nas clínicas odontológicas: 

  • Inflamações nas raízes dos dentes com dores intensas 
  • Inflamações na pele que está acima dos sisos que ainda não saíram
  • Inflamações de qualquer espécie acompanhadas de dor
  • Problemas de pós-operatório ou necessidade de trocar ou tirar curativos 
  • Fratura nos dentes, com ou sem dor
  • Trauma nos dentes com luxação ou sangramento excessivo
  • Quebra em restaurações
  • Ajustes ou reparos em dentadura – para pacientes oncológicos ou com dificuldade em mobilidade
  • Defeitos ou quebra em fios de aparelho que estejam ferindo a mucosa bucal

Se você não está com um desses problemas, espere a pandemia passar para agendar seu atendimento. Mas se um desses é o seu caso, então é importante ter os seguintes cuidados ao ir ao dentista:

  • Ao identificar o problema odontológico, entrar em contato imediatamente com o dentista para verificar o horário disponível para atendimento. Lembre-se que é importante evitar aglomeração e por isso, não é recomendado que os pacientes fiquem na recepção por muito tempo.
  • Vá sozinho ao consultório e caso o paciente necessite de acompanhamento, é importante que vá apenas uma pessoa junto com ele.
  • Se tiver febre alta, falta de ar ou esteve em contato com um paciente com coronavírus, avise o dentista.
  • Perceba se o profissional está paramentado com luvas, máscaras, óculos e gorro de proteção. Não permita o atendimento antes que esses itens sejam colocados.
  • Ao voltar do dentista, tire seus sapatos e toda a roupa ao entrar em casa. Higienize chaves, celulares,bolsas e tome banho imediatamente. Se possível, separe as roupas usadas nesse momento de outras roupas sujas da casa.

Para profissionais de saúde bucal:

Quer saber como melhorar o atendimento neste momento? Leia a nossa matéria “Como manter contato com pacientes com o consultório fechado”.